Ágio interno: Carf afasta autuação de empresa pertencente à organização de Bancos



Uma decisão da 1ª Turma da 2ª Câmara da 1ª Seção do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf) favoreceu  a empresa Tempo Serviços, pertencente à Organização Bradesco, por uso indevido de ágio.

O caso em questão refere-se à uma cobrança por parte da Receita Federal referente ao Imposto de Renda e CSLL sobre valores excluídos da base …

Acesso restrito a Membros.

Para se tornar Membro, CLIQUE AQUI.