Receita rebate MPF e diz não ser possível regularizar ativos ilícitos no exterior


Embora o Ministério Público Federal tenha denunciado executivos por regularizem dinheiro de corrupção que estava no exterior, a Receita Federal afirmou que “não há como alguém se beneficiar de forma definitiva dos efeitos da referida lei [Lei 13.254/ 2016] quando a origem dos recursos é ilícita”.

Na terça-feira (13/6), a ConJur ...

Acesso restrito a Membros.

Para ler o restante, ENTRE em sua conta ou CRIE uma nova.

Caso ainda não tenha um plano, CLIQUE aqui.