O cumprimento forçado da sentença e os honorários advocatícios

Por Gustavo Corteletti, advogado especializado em Direito Empresarial, do escritório Antonelli & Associados Advogados Com o advento da Lei 11.232/2005 e a mudança da sistemática de execução judicial para o cumprimento forçado da sentença, na louvável tentativa de tornar o resultado do processo mais ágil e eficaz, uma das muitas discussões que vem surgindo é se cabe honorários advocatícios após o prazo quinzenal para o condenado adimplir com a obrigação…
Pular para a barra de ferramentas